A imagem traz três fotos dos residentes realizando o processo de identificação e tratamento de linfonodo sentinela.

Residentes do HVET são treinados para identificar linfonodo sentinela

Com o apoio da conselheira do curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK, Aline Zoppa e da professora Danieli Perez, os residentes do HVET – Hospital Veterinário da UniMAX receberam treinamento sobre linfonodo sentinela.

Segundo informações coletadas, o linfonodo sentinela é, provavelmente, o primeiro linfonodo invadido por um câncer em expansão. Em caso de diagnóstico positivo,  faz-se a biópsia do mesmo para saber se foi atingido por metástase de câncer ou não. O tema está relacionado aos tumores de mama com grande incidência em animais de estimação como cadelas e gatas. 

Para o treinamento, os residentes aplicaram a coloração do azul de metileno para identificação do linfonodo sentinela, uma das técnicas mais utilizadas, principalmente em cadelas com lesões mamárias. O objetivo foi proporcionar um aprofundamento no aprendizado a partir de novas experiências. 

 

Confira notícias do curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK
Pular para o conteúdo