Alunos de Medicina Veterinária recebem introdução à disciplina de Produção de Aves

Primeiras abordagens sobre a Produção de Aves estão sendo realizadas pelo professor Marcos Alexandre Ivo aos estudantes do terceiro semestre da UniFAJ em Jaguariúna

De acordo com o professor Marcos Alexandre Ivo, que leciona a disciplina de Produção de Aves, a avicultura é um dos setores do agronegócio brasileiro que vem investindo em tecnologia nos últimos anos. O estudo faz parte do curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK.

Segundo o docente, o desenvolvimento de linhagens genéticas e melhoria na produção de ovos proporciona significativa evolução. O conhecimento e aperfeiçoamento das técnicas de trabalho desta atividade está atrelado aos constantes ganhos em produtividade, devido à melhora dos índices de conversão alimentar, melhoramento genético, maior automação dos aviários e melhor manejo. A atuação do profissional de Medicina Veterinária se torna imprescindível nesse segmento.

Com a globalização econômica, as barreiras sanitárias assumiram grande importância no mercado internacional e nacional de produtos de origem animal, uma vez que os países importadores procuram blindar a entrada de patógenos em seus sistemas de produção. Torna-se importante, ao setor avícola nacional, atuar no sentido de sua estruturação para o alcance dos padrões internacionais de sanidade. Com isso, os produtos brasileiros passam a competir igualmente no mercado internacional, livres de qualquer tipo de restrição sanitária e dentro dos padrões de qualidade estabelecidos”, enfatiza Marcos Alexandre.

Durante a aula do terceiro semestre, o professor apresentou, ainda, dados do artigo “Os 35 Anos que mudaram a Avicultura Brasileira” da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa); informações da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) sobre o crescente consumos de ovos entre os brasileiros; a utilização na prevenção do Mal de Alzheimer e Parkinson, além de indicação para gestantes como auxílio na formação do sistema nervoso central do feto; e o uso dos ovos na produção de imunizantes.

O docente trouxe também informações veiculadas por revistas especializadas que tratam sobre os principais pontos de evolução tecnológica e uso de softwares no segmento de produção de aves, entre outros assuntos relacionados ao tema.

 

Confira notícias do Grupo UniEduK
Pular para o conteúdo