Banho nos pets no frio: Grupo UniEduK contribui com artigo do Portal Terra

Dra. Aline Machado De Zoppa, conselheira do Hospital Veterinário da UniFAJ, do Grupo UniEduK, falou a coluna Vida e Estilo do Portal Terra se pode ou não dar banho nos pets no frio. Na oportunidade, ela falou sobre tempo de secagem do pelo dos animais, escovação, local para o banho e temperatura da água, uso de roupinhas, entre outras dicas.

Confira o texto do Portal Metrópoles na íntegra:  

Banho nos pets no frio: pode ou não? Veterinária explica

Com o clima dando aquela esfriada, surge a dúvida sobre dar ou não banho nos cães; saiba se isso é recomendado e como não prejudicar os pets

No frio do outono ou inverno, até a gente fica com aquela preguiça de tomar banho às vezes, não é mesmo? E isso tem um motivo: o desconforto. Mas você sabia que esse desconforto também pode ocorrer com os cães? Pois é!

De acordo com a Dra. Aline Machado De Zoppa, conselheira do Hospital Veterinário da UniFAJ, do Grupo UniEduK, o principal problema dos banhos em épocas mais frias está relacionado ao tempo que leva para secar todo o pelame. Afinal, em muitos casos, ele demora até 48 horas para secar completamente.

Por isso, a médica-veterinária orienta que, pode ser melhor optar por não dar banho nos cães nos dias de muito frio, apesar de fazer parte da higiene dos pets. Em vez disso, a sugestão da especialista é escovar os cachorros nos dias de baixa temperatura, o que pode substituir o banho de vez em quando.

Para limpar os pelos dos pets depois da escovação, confira essas dicas:

Dicas para banho em cães no frio

Apesar da possibilidade da substituição, quando for necessário dar banho nos cães no frio, há também algumas dicas que podem ser seguidas, segundo a Dra. Aline.

“O principal, para dar banho no pet durante baixas temperaturas, é banhar em local fechado e protegido, utilizando água morna para evitar a friagem. Na hora de secar, dê preferência a toalhas e soprador, com objetivo de facilitar a saída de gotículas de água que ficam entre os pelos”, orienta ela.

Assim você vai conseguir diminuir as chances de que o frio prejudique a saúde ou o bem-estar do pet. Porém, lembre-se que, em dias de frio extremo, se possível, opte pela escovação.

Uso de roupinhas

Também é em períodos de frio que muitos tutores de cães ficam preocupados quanto ao frio em pets, então é comum ver pets de roupinha. Esse não é um item obrigatório para o outono e inverno, no entanto, ele pode ser útil para cães como o chihuahua, o galgo, o pinscher e o buldogue, pois são raças de pelo curto.

Crédito: Portal Terra

Pular para o conteúdo