Parceria entre Grupo UniEduK e alumni de Medicina Veterinária cria prótese 3D inédita para jabota vítima de incêndio

Todo o processo de desenvolvimento da prótese 3D foi realizado no Laboratório de Processos de Fabricação da UniFAJ em Jaguariúna. Além disso, a tomografia e a cirurgia de implantação do casco foram feitas no Hospital Veterinário. 

 

 

A jabota Maria ganhou uma nova oportunidade. Após ser vítima de um incêndio e perder seu casco natural, ela recebeu um novo feito em impressora 3D. Todo o processo contou com a parceria entre o Grupo UniEduK juntamente do alumni Alex de Alcântara, médico-veterinário formado pela UniFAJ, além do apoio do curso de Medicina Veterinária e Engenharia.

Vinicius Olivetto Fernandes, aluno do curso de Medicina Veterinária e técnico do Laboratório de Engenharia da UniFAJ, participou da atividade e conta como foi o processo. O estudante recebeu o pedido por meio dos professores Geraldo Delgado e Thiago Silva.

O aluno explica que, em primeiro lugar, o Dr. Alex utilizou o tomógrafo do Hospital Veterinário. Num segundo momento, a tomografia serviu de base para a impressão do casco em 3D feita no Laboratório de Processos de Fabricação da UniFAJ.

Como casco perdeu toda queratina e já não servia mais para a proteção do animal, a prótese foi feita com materiais biodegradáveis a fim de proporcionar ao animal segurança e bem-estar novamente. “O material se chama ‘PLA’. É um plástico biodegradável feito através do amido de milho ou cana-de-açúcar”, conta Vinicius.

Além do apoio com a tomografia e a impressão do casco em 3D, a UniFAJ também sediou a cirurgia de implantação do novo casco. O procedimento foi feito pelo Dr. Alex no Hospital Veterinário de Jaguariúna e pode ser presenciado pelo aluno Vinicius.

A partir da oportunidade de presenciar essa ação, o estudante pensa na possibilidade de conciliar as áreas de Medicina Veterinária e Engenharia num projeto de Iniciação Científica.

Destaque na mídia

A história de superação da jabota Maria chamou tanto a atenção que ganhou destaque na mídia nacional.

A equipe de reportagem do Domingo Espetacular, principal programa jornalístico da TV Record, realizou a gravação do procedimento de implantação do casco 3D no animal no Hospital Veterinário da UniFAJ.

A repercussão do assunto também foi destaque na VTV Campinas, afiliada do SBT, cuja equipe de jornalismo esteve presente no Hospital Veterinária para a gravação da matéria.

Ambas as reportagens ainda serão exibidas.

 

Sobre o a jabota Maria

Na ocasião do incêndio (novembro), além do casco, a jabota também sofreu queimaduras nas patas traseiras e dianteiras, olhos e rabo.

O animal já está bem, se recuperando a cada dia e está sendo acompanhada pela equipe do médico-veterinário Alex.

 

Iniciação Científica

Por meio dessa iniciativa que beneficiou a jabota, o curso de Medicina Veterinária da UniFAJ também está desenvolvendo um projeto de iniciação científica de uma muleta para um peixe-boi cego que foi resgatado.

O projeto de Iniciação Científica da aluna de Medicina Veterinária, Luana Mariotti, está sendo realizado em parceria com a Engenharia de Produção, nos laboratórios de Automação e Design Digital da UniFAJ. A estudante é orientada pelo professor Geraldo Delgado.

Pular para o conteúdo