A imagem mostra um engenheiro de produção

Quanto ganha um Engenheiro de Produção? O Grupo UniEduK te conta!

Além de identificação com a área, entre outros motivos, a remuneração é de extrema importância para a escolha de seu futuro profissional. Por isso, queremos te contar quanto ganha um Engenheiro de Produção

Sem dúvida, existem inúmeros fatores que influenciam na escolha de uma profissão. Com toda a certeza, a remuneração é uma delas. Você já considerou cursar Engenharia de Produção? Mas, você sabe quanto ganha um Engenheiro de Produção?

Essa e outras perguntas serão respondidas por Silvio Cavallari, gestor acadêmico do curso de Engenharia de Produção do Grupo UniEduK.

O docente é mestre em Processos de Fabricação (Departamento de Manufatura Integrada). Ele atua na pesquisa de técnicas de manufatura com a utilização da interpolação Spline como método de trajetória da ferramenta.

Silvio também trabalha numa empresa do segmento de projetos industriais e metalúrgica de grande porte. Ele é supervisor geral na linha de Juntas de Expansão e Vedação.

Antes de mais nada, você já vai ver que o mercado de Engenharia de Produção é muito promissor e oferece diversas oportunidades.

Um Engenheiro de Produção Junior ganha, ao menos, cinco salários mínimos. Agora o teto da profissão não possui um limite, pois muitos gerentes e diretores com altos salários e bonificações são Engenheiros de Produção. Isso devido à grande formação em gestão administrativa e técnica industrial ocorrida na graduação. Hoje todo aluno da Engenharia de Produção consegue um estágio até o segundo ano da graduação”, conta o professor.

 

Qual é a função de um Engenheiro de Produção?

Em princípio, pode até parecer que o profissional dessa área trabalha apenas com materiais e patrimônio físico de uma indústria, por exemplo, mas se engana quem pensa assim.

Todavia, o papel do Engenheiro de Produção é buscar equilíbrio, harmonia e sincronia entre os recursos humanos, financeiros e materiais de uma empresa com o intuito de alavancar a produtividade, rentabilidade, competividade e sustentabilidade.

Sua função é evitar desperdícios, encontrar gargalos e melhorar processos, porém seu foco sempre será a sociedade, consumidora final de qualquer produto ou serviço oferecido.

Mas, professor, o que é preciso fazer como Engenheiro de Produção para garantir, inicialmente, esses quase 7 mil reais mensais?

O Engenheiro de Produção é responsável por diversas etapas dentro da indústria. Ele controla o processo de fabricação de qualquer produto e o uso dos recursos necessários para isso. No dia a dia, o profissional lida com toda a gestão e administração da produção, compra, estoque, programação de máquinas, processo e, principalmente, no gerenciamento de equipes”, explica o docente.

Silvio complementa dizendo que: “Além disso, o Engenheiro de Produção também é um Administrador de Empresas, pois temos no curso todas as disciplinas de gestão abordadas no curso de Administração. Assim sendo, o Engenheiro de Produção é um profissional extremamente requisitado com um vasto mercado de trabalho”.

 

Onde o Engenheiro de Produção pode atuar?

O gestor acadêmico destaca que o Engenheiro de Produção possui a mais ampla gama de atuação entre todas as engenharias, pois pode atuar:

  • Em todas as indústrias, de qualquer tipo ou porte.

Se a empresa produz alguma coisa ou presta algum serviço, com certeza, ela precisa do Engenheiro de Produção”, salienta.

Além disso, eles podem atuar em:

  • Órgãos Públicos;
  • Bancos;
  • Financeiras.

 

Quanto tempo leva para se formar em Engenharia de Produção?

Para se tornar o profissional que o mercado de trabalho procura, você precisa dedicar cinco anos da sua vida, pois o curso de Engenharia de Produção tem duração de 10 semestres.

Muitos perguntam se é possível se formar em Engenharia em menos de cinco anos. Não, pois esse é o tempo mínimo exigido pelo MEC – Ministério da Educação.

Agora se o aluno já tiver uma outra graduação, certamente, o tempo será reduzido”, diz o professor.

Se esse é seu caso, é só procurar a Central de Atendimento ao Aluno. Eles informarão quais são os documentos necessários para comparar a grade curricular de Engenharia de Produção com o curso que você fez. Assim sendo, eles farão o aproveitamento dos seus estudos e, consequentemente, a eliminação de disciplinas similares. Por fim, você poderá cursar em menos tempo.

 

Que matérias se estuda em Engenharia de Produção?

Entre outras, a Engenharia de Produção estuda as disciplinas de:

  • Desenho 3D;
  • Projeto Mecânico;
  • Simulação 3D de Fábrica;
  • Processo de Fabricação;
  • Qualidade, Desenvolvimento de Produtos;
  • Planejamento da Produção;
  • Manutenção;
  • Logística;
  • Custos;
  • Economia;
  • Administração de Empresas etc.

 

Tem muita matemática em Engenharia de Produção?

Não, a Engenharia de Produção possui somente as disciplinas básicas de Cálculo e Física nos três primeiros semestres, após isso, as disciplinas são práticas, sempre envolvidas por um projeto e laboratórios”, enfatiza o professor Silvio.

Por isso, você não precisa se preocupar com matemática.

Se você acha difícil matérias que envolvam cálculo e física, aqui no Grupo UniEduK você vai descobrir que as metodologias ativas e as inúmeras aulas práticas, que realizará desde o primeiro dia de curso, têm por finalidade facilitar seu aprendizado bem como seu entendimento de conceitos.

 

É possível fazer Engenharia EAD?

Aqui no Grupo UniEduK não, porque acreditamos que, para uma boa formação, a Engenharia de Produção tem que ser PRESENCIAL e com MUITA PRÁTICA. Portanto:

– Nosso CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO É 100% PRESENCIAL;

– São MAIS DE 50% DE AULAS PRÁTICAS desde o início do curso;

– Nosso método de ensino é REFERÊNCIA.

 

Afinal, qual o valor de um curso para Engenheiro de Produção?

Como você já pode constatar, que o investimento no curso de Engenharia de Produção prevê um retorno garantido. Por isso, o Grupo UniEduK oferece condições especiais para você se tornar um profissional qualificado:

– De cara, você já tem 50% DE DESCONTO NA MATRÍCULA;

– Dependendo da sua nota no Vestibular, ENEM ou ENCCEJA, você PODE OBTER ATÉ 50% DE DESCONTO NAS MENSALIDADES;

– Além desses descontos, entendemos a necessidade do momento e, por isso, ESTAMOS DANDO UM APOIO NO VALOR DA MENSALIDADE.

INSCREVA-SE NO VESTIBULAR 2023!

Pular para o conteúdo