“Xô, Dengue”, ação realizada pelo curso de Farmácia da UniFAJ em parceria com a Prefeitura Municipal de Jaguariúna no último sábado, 13 de abril, conscientizou a população sobre a prevenção e vacinação contra a doença e distribuiu repelentes naturais para corpo e ambiente

‘Xô, Dengue’: UniFAJ distribui mil sprays de repelente gratuitamente para moradores de Jaguariúna

Ação contou com a distribuição de 500 repelentes corporais e 500 repelentes de ambiente e levou conscientização sobre a importância da prevenção e vacinação

Neste último sábado, 13 de abril, o Centro Universitário de Jaguariúna (UniFAJ) distribuiu repelente natural gratuitamente para a população do município. A ação “Xô, Dengue”, realizada em parceria com a Prefeitura de Jaguariúna, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, também contou com a vacinação de crianças de 10 e 11 anos em oito Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Foram distribuídos 500 repelentes corporais e 500 repelentes de ambiente, ambos em spray. O produto, à base de citronela, é mais uma opção frente à dificuldade de acesso da população às opções com ativos inseticidas, que se encontram em baixa disponibilidade para compra diante da alta procura neste momento de epidemia de dengue. O repelente foi produzido por alunos e docentes do curso de Farmácia da UniFAJ, sob a gestão da professora Michelle Jorge, coordenadora do curso.

A ação também promoveu a disseminação de informações e orientação à população sobre como prevenir a dengue e evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti com o “circuito da dengue”.

Montado na Praça Umbelina Bueno, o circuito contou com simulação de focos do mosquito, como pneus, vasos de plantas, garrafas e outros possíveis criadouros. “A ideia foi chamar a atenção de pais e crianças. Com brincadeiras e interação, reforçamos a importância do cuidado dentro de casa, bem como a vacinação nesse grupo etário”, destaca o professor Flávio Pacetta, diretor geral da UniFAJ. “Ficamos muito gratos pela parceria com a Prefeitura de Jaguariúna, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, que nos deu a possibilidade de participar dessa ação que, além de envolver nossos alunos e docentes em mais uma prática muito importante, pudemos fazer algo de positivo para a população”.

“Essa é uma batalha de toda a sociedade, uma pequena atitude pode fazer a diferença na luta contra a dengue. Por isso, pensamos nessa ação em parceria com a UniFAJ, para levar mais informação às pessoas e distribuir repelente de graça”, explica a secretária de Saúde de Jaguariúna, Maria do Carmo de Oliveira Pelisão.

Também foram distribuídas 120 mudas de citronela e um material explicativo e de conscientização de cuidados e prevenção à doença.

Pular para o conteúdo