A imagem traz os estudantes que produziram os vídeos em idioma estrangeiro.

Alunos de pós-graduação produzem vídeos em idioma estrangeiro para desenvolvimento de carreira

A produção de vídeo em idioma estrangeiro foi orientada pelo professor Julio Cesar Passos que ministra a disciplina Gestão e Planejamento de Carreira

Os pós-graduandos do Grupo UniEduK foram desafiados a produzir vídeos em idioma estrangeiro (inglês e espanhol) a fim de se desenvolverem na carreira e para a conquista de novas oportunidades. A gravação foi a descrição do perfil profissional de cada aluno. 

Sobretudo, a proposta foi lançada pelo professor Julio Cesar Passos com o propósito de atender a disciplina de Gestão e Planejamento de Carreira, que faz parte da grade curricular de diversos cursos de pós-graduação e MBA da UniMAX e UniFAJ. 

“Todos os alunos (sem exceção) produziram os seus vídeos em inglês e alguns, em espanhol, porque, dependendo da área de atuação, um determinado idioma se torna mais relevante, alinhado aos objetivos do aluno. Alguns tiveram muita dificuldade e precisaram regravar diversas vezes, mas esse era o objetivo: praticar a apresentação pessoal/profissional em idioma estrangeiro”, explica o docente. 

O professor  destaca, ainda, que “uma das habilidades essenciais no mercado de trabalho é o de saber se comunicar de forma assertiva e fazer isso no idioma inglês ou espanhol se torna ainda mais relevante para a carreira de qualquer profissional que se preocupa em ser competitivo”, diz. 

Em seguida, ele acrescenta que “o conteúdo digital vídeo representa 80% de tudo o que é consumido nas redes e os processos seletivos e as mais diversas áreas corporativas utilizam essa ferramenta para promover seus profissionais e dar visibilidade nos negócios. Além de saber se comunicar em sua língua materna, o profissional do futuro precisa se comunicar em um idioma estrangeiro”, completa o docente.

 

CONFIRA RELATOS DE ALUNOS QUE PRODUZIRAM VÍDEOS EM IDIOMA ESTRANGEIRO: 

Professor, primeiro agradeço a você por este desafio. Confesso que jamais fui desafiado a realizar um trabalho deste nível e esta dificuldade, foi meio assustador, mas com as dicas que passou ficou mais simples, até me deu uma motivação para fazer um curso de inglês que entrou como uma meta de meu PDI [Plano de Desenvolvimento Individual]” – aluno Vinicius Carlos da Silva.

“Um desafio que parece simples, mas que nos tira da zona de conforto. Nos faz pensar e estudar, pois nunca é tão simples quanto parece, mesmo que falemos a língua. Nesse momento, o desafio se torna imenso e nos mostra a necessidade de estarmos sempre nos atualizando. Sensacional!”aluno Marcio Eboli.

“Sobre a atividade proposta de gravar um vídeo em uma língua estrangeira, no primeiro momento, confesso que foi um tanto quanto assustador, porém, pelo menos para mim, foi importante para mostrar o quanto preciso me dedicar em estudar inglês e como é importante estar sempre preparado e disposto para sair da zona de conforto!” – aluno Kauê do Nascimento.

“Muito desafiador, mas também muito gratificante. O desafio foi uns dos mais difíceis na minha breve vida acadêmica, mas saber que fui capaz de realizar dá um novo gás para continuar buscando” – aluno Wilson Ferreira. 

“Não me senti totalmente confortável, mas também não me senti totalmente desconfortável. Uma coisa é certa, a cada treinamento, você vai se soltando mais e as coisas tendem a ficar melhores. Sair da zona de conforto é desafiador e quando você completa o que teria que fazer é realizador. Todos somos capazes, basta se dedicar e querer” – aluno Fabio Ehrhardt.

“Foi um desafio e tanto. Foram duas dificuldades, rsrsrs (o idioma e falar em frente à câmera). Pode parecer fácil para muitos, mas para mim não é… Eu preciso aprender a língua inglesa urgentemente, porque sempre deixei para depois. Agora, buscando uma recolocação no mercado de trabalho, depois de passar 25 anos na mesma empresa, descobri que não dá para esperar mais. O mercado exige isso! Então, optei por fazer aulas particulares, com uma professora que só fala em inglês comigo durante as aulas. Gravar o vídeo me mostrou o quanto ainda preciso evoluir!” – aluna Isabel Nogueira. 

“O desafio virou uma conquista, passar por cima do medo e dar o primeiro passo foi inspirador. Me senti mais forte e confiante, para dar continuidade nos meus estudos com idiomas e agregar conhecimento profissional” – aluna Vanessa Dall Olio. 

 

Confira notícias da Pós-Graduação do Grupo UniEduK:
Pular para o conteúdo