Medicina Veterinária do Grupo UniEduK publica artigo científico com tema inédito em revista internacional

Fruto de atividade prática, texto relatou caso de felino com doença renal crônica que recebeu tratamento com aplicações de células-tronco 

O incentivo à pesquisa é um dos diferenciais do curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK – composto pela UniFAJ, UniMAX e FAAGROH. E os resultados têm sido cada vez mais positivos. É o caso de três estudantes do sexto semestre da UniMAX que participaram da produção de um artigo acadêmico e viram seus nomes publicados como coautores de uma publicação na revista científica internacional Biomedical Journal of Scientific And Technical Research, uma grande referência na área acadêmica. 

Os estudantes David Gomes de Figueiredo, João Paulo Gomes Figueiredo e Amanda Carolina Diniz Valeriano acompanharam um caso clínico por três meses e meio. Receberam o apoio da médica-veterinária Denise de Fátima Rodrigues, proprietária da clínica onde o felino foi tratado, e do sócio-proprietário e biólogo na empresa CellTech Tecnologias com Células Tronco, Jonathan Edwin Baracho Trindade Hill. 

Além dos dois profissionais e dos alunos, o artigo foi assinado também pela prof. Amanda Baracho Trindade Hill, responsável pelas disciplinas Farmacologia, Toxicologia e Medicina Veterinária Regenerativa, do curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK. A docente afirma que o tema é inédito e relata o caso de um paciente felino que foi diagnosticado há 2 anos com doença renal crônica. O gato estava fazendo tratamento convencional, quando recebeu três aplicações de células-tronco em pontos de acupuntura. 

“Os alunos tiveram um papel fundamental para execução do experimento, pois foram proativos buscando estágio em uma clínica veterinária, realizaram a revisão de literatura, entenderam a metodologia por mim proposta, e principalmente, passaram tudo isso com exatidão para a médica-veterinária da clínica que realizou as aplicações. Depois que os alunos escreveram o relato de caso em português, eu corrigi, fiz algumas alterações e traduzi para o inglês. Coincidentemente, a revista me escreveu e me convidou para publicar um relato de caso. Como este já estava quase pronto, submetemos a essa revista”, explicou a docente.  

A revista científica de acesso aberto e multidisciplinar foi um espaço muito importante para a discussão de um tema relevante. “É estimado que 63% dos gatos com idade superior a 10 anos desenvolvem doença renal crônica, que age de maneira progressiva e irreversível. O objetivo da terapia celular é diminuir a progressão da doença,  melhorar a qualidade de vida do animal, reduzir os sintomas apresentados e aumentar o tempo de sobrevida do paciente. Com esse relato, conseguimos provar que o conceito dessa metodologia de aplicação inédita é válido”, declarou. 

 

O artigo está disponível em The Effects of Helium-activated Radiofrequency Subdermal Coagulation on Skin Laxity following Ultrasound Assisted Liposuction (biomedres.us).

 

Confira notícias sobre o curso de Medicina Veterinária do Grupo UniEduK

Pular para o conteúdo